lobo e lua

lobo e lua

10.4.08

Bazar do Chupeta foi o maior sucesso

Gudesteu Hostalácio
ENVIADO ESPECIAL

Nunca se viu nada igual na história dos bazares e leilões no Brasil. O Bazar do Chupeta, carinhoso apelido do megatraficante colombiano Juan Carlos Abadia, previsto inicialmente para durar até o próximo domingo, terminou em apenas dois dias.

No primeiro dia, na terça, mais de 5 mil pessoas fizeram filas nas portas do Jockey Club de São Paulo. Venderam até as cuecas do Chupeta. Na quarta, o povão não entrou, pois o leilão foi apenas pro high society paulistano.

Entre os destaques, mais de 200 pares de sapatos, roupas de ginástica e equipamentos, DVDs, bicicletas, roupa de cama, móveis, roupas masculinas e femininas, óculos e eletrodomésticos - só TVs de plasma foram mais de 20.

A reportagem do Jornal da Lua, sempre presente aos grandes acontecimentos, registrou que a maior procura foi por papelotes de cocaína.

- Quanto é que tá o papelote aí, chefia?

Esta era a pergunta mais repetida na terça-feira. Um dos guardas, já irritado com a mesma pergunta, respondeu:

- Eu já disse mil vezes que aqui a gente não vende droga!!!

- Como não vende? O cara não vendia coca? Cadê a coca? Me ajuda aí, xará, só um papelote!

- Eu já avisei: aqui não tem droga!!

- Tem droga, sim! Daqui eu posso ver uma coleção de discos de Zecão e Zecãozinho! Como não tem droga? Mas eu quero é UM papelote! Só UM!

Nossa reportagem constatou que foi realmente difícil conter a multidão de consumidores em busca dos valiosos bens de Chupeta. Toda a renda será destinada a duas entidades filantrópicas de São Paulo: Fundação Julita, que atende crianças e idosos do Jardim São Luís, Zona Sul da Capital, e a Ten Yad, que diariamente alimenta mais de 2100 pessoas pela cidade.

No entanto, diversos grupos gritavam slogans e portavam cartazes na porta do Jockey Club, exigindo que a grana seja mais dividida. Lá estavam, por exemplo, representantes de hospitais. Do Rio, pedindo grana pra combater a dengue. De Belo Horizonte, da Santa Casa, pedindo grana pra consertar uma máquina de radioterapia, estragada há quase um mês, e ninguém faz nada. Enquanto isso, os doentes morrem de tanto esperar, ou de raiva.

O certo é que Chupeta ficou apenas com a roupa do corpo, mas sem cueca, que também foi vendida no bazar. O comprador da cueca de Chupeta, que pagou 1 real, ficou desapontado:

- Pensei que fosse encontrar algum dólar escondido na cueca!

- Você é um bocó! Quem guarda dólar na cueca é assessor de político!

Os itens mais caros foram leiloados na quarta-feira. Na lista, um Ford Rural Willys e um Jeep Overland, uma geladeira importada, vários relógios Rolex, Cartier (um avaliado em R$ 50 mil), Chanel, Piaget, Bulgari, um Franck Muller de US$ 190 mil e um Audemars Piguet de US$ 219 mil, canetas especiais e bicicletas novas.

Mas, na quarta, o povão foi proibido de entrar no Jockey. Inclusive a reportagem do Jornal da Lua!

25 comentários:

elisabetecunha disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKK
fANTÁSTICO!!

Tava doida pra ir no bazar do Chupeta!

Sueli disse...

Bill, será que quarta foi o dia da distribuição da droga????? ..rs. Beijo grande!

Garota viajante disse...

UAHuHAuhUAhUHAUH
Gosteei siim da reportageem!
Ficou otima, interessante e divertidaa!

Beijinhooos =*

Obrigada por me linkaaar!

;)

*Fe* disse...

Eu acho q na quarta eh q os caras venderam os papelotes! + aií eles fecharam soh pra alta, q pod pagar mais pela farinha neh... Aew povo padezeiro do caramba! E outra coisa, será q nao leiloaram as cuecas na esperanca d encontrarem algum DNA dele ou esperma na cueca? Pensa num herdeiro pra isso tudo!!!! Devia ter gente lah atras d inseminacao artificial pra fzr um novo Chupetinha... iahiahihahia
Bjo grande!

Anna Clara disse...

não tinha coca?

que coisa de POBRE.

beijo Bill, vou ver se vejo o filme.

Nadezhda disse...

O povão tem mesmo uma fama não muito boa. Mas como disseram, nesse dia deve ter sido da distribuição da droga ;)

Magui disse...

Tudo proveniente de muito sangue e lágrimas.Tudo maldito.Quem comprou vai ter a vida andando pra trás.

DM disse...

Vim comer a fatia do bolo atrasada e só encontrei Coca, não a Cola????

Well, belo ensaio sobre o Bazar do Megatraficante, como aca consumidora, confesso que fiquei tentada a visitá-lo .... pelas bolsas de griffe, é claro, mas depois caí em mim, sobre as procedências de tais objetos ....

Anyway, muito apreciaria que o Jornal da Lua, fizesse em futuro breve, uma reportagem investigativa sobre o destino, dos fundos angariados no Bazar !!!!

Beijos e parabéns, as vacas não esqueçeram de vocês, é que andam atribuladas mesmo de trabalho !!!

Adri /Dri /Drika disse...

hahahaha... essa do cara comprar as cuecas, foi F... é nojento. Um ótimo fim de semana ;)

B!ah♥=D disse...

O bazar do chupeta foi ótimo.
Acredita que a primeira caixa esvaziada foi a de roupas íntimas?

Beijinhos;
=D

Lih disse...

oieeeee....

enfim atualizastes!!!!....rs

bjooo!

Nathália disse...

Poxa, eu ia te pedir um papelote...
Mentira!

:*

disse...

Quarta foi o dia da Coca, só pra high socity.

Bjo

Garota Enxaqueca disse...

E eu perdi... rsrs...

5.000 pessoas?? Pobre gosta mesmo de uma fila, hein?

Besos, guapo

alex e! disse...

...concordo com a Fernanda... vai ver soh rolou mesmo o pó na 4ª, exclusivo pro high society...aiaiai...E tinham de fazer um leilão também é da Daslu (inclusive com o Amaury Jr lá dentro... quem sabe alguém quisesse comprá-lo pra usar como duende de jardim né...)...Enfim, adorei a reportagem!!! hahahaha...
PS: e o texto lá no mundo realmente foi todo inspirado nas galinhas de Caio e Clarice... tô escrevendo um trabalho sobre isso, aí bateu a inspiração né... claro que nem chega aos pés dos textos dos dois né, masssss eu, na minha insignificância, vô tentando né.....rs

TOOP disse...

Muito interessante a sua reportagem!!
Adoro um bom jornal, ainda mais com pitadas de ironia!
...
Muito bonito o seu cantinho!
;)

Bruna Lovegood disse...

Cara! Quando eu aqueles sapatos na tv, bolsas, jóias, óculos, todos od Dior, Gucci, Prada, Chanel,Dolce e Gabanna....Eu no mínimo BABEI! Pena que não tem nenhum cara podre de rico assim por aki pros bens deles serem leiloados a preços baixos! Aqui eles pegam traficante rápido. Pensie, na hora: "Como um TRAFICANTE pode ser TÃO RICO assim? E por que raios eu não conheci e não jantei com esse cara uma vezinha só???"
Depois minha idéias voltaram ao chão: É uma vergonha e tanta! Um país onde um traficante é tão rico quanto um grande empresário, e ainda não desconfiarem de onde vinha o dinheiro dele, nem nada.....É uma coisa lastimante pro Brasil. Daqui a pouco senadores estão se metendo ocm traficantes pra ganharem mais!!

teresa disse...

ixiiiiiiiiiii

que bazar concorridooooooo!

SUCESSOOOOOOOOOOOO!

pena que eu nem soube, senão estaria lá pra comprar alguma coisa kkk

=*

Mylene Ribeiro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Andréia disse...

nossa! a grana arrecada no fim dessa história poderai salvar até a Africa da miseria.. como esse cara lucrou com o trafico.. aff!!

mais eu gostei de terem feito esse bazar.. o cara ficou anos pra juntas tudo isso, altas estrategias para fugir da policia e taticas para lavar o dinheiro e no fim ter que ver tudo sendo vendido a preço de banana (toma otário!) deve ser no minim humilhante para os neurônios dele..rs + concordo que a grana deveria ser melhor aproveitada... mas o Brasil é assim sempre caga no final..rs

beijosss

Bia disse...

Um bom enfoque da questão, com o humor na dose certa.

Sorrisos e pétalas enfeitando teu domingo. Um beijo no coração!

JuJu disse...

Depois desse bazar, acho que o "Chupeta" ficou mais pobre do que as pessoas que moram embaixo das pontes, não é...
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

P.S.: Lembra-te daquela personagem de desenho japonês que eu te pedi para ver uns vídeos dela para eu postar no meu blog? Pois olha, eu achei um vídeo dela (que na verdade não é só dela) e, como eu logo me lembrei de você, vou te dar o endereço e acho que você vai adorar! Aceite como presente de aniversário!
http://www.youtube.com/watch?v=RqVA_ObJVD4&feature=related

Dominique disse...

Quarta é dia de feira, então, provavelmente foi por isso que proibiram a entrada do público. Dia Vip para se comprar erva, quem sabe. rs


Abraço, Bill!

Nathália disse...

Seu top8924789247 tá perfeito!
Hahaha

Adorei!

a calma alma má disse...

Adorei!
Acreditam que conheço um "ser" que trabalhou no leilão?
hahahahaha
ódeo mortal.