lobo e lua

lobo e lua

2.11.08

O mercado de trabalho me espera (ou eu espero por ele)

Lana Esthevlana
COLUNISTA ANTI-SOCIAL


Sempre achei muito interessante toda e qualquer profissão que mexesse com criação. E tenho um profundo encantamento por páginas na web. Uma página bem feita, bonita, me prende. Uma espécie de hipnose... Não sei explicar.

Eu, por exemplo, de vez em quando arrisco fazer alguma coisa no blog, só pra ele ficar mais aconchegante aos meus olhos, sabe? E agora que vou estudar sobre isso, vou poder fazer profissionalmente!

...Profissionalmente...

Percebeu a palavra? Pro-fis-sio-nal... Opa! Olha o problema.

Bem, o curso tem duração de sete meses. Convenhamos que sete meses é nada. Estou realmente feliz e tal. Vou aprender a fazer algo que gosto e ainda vou ganhar pra isso, quer coisa melhor? Só que tenho pavor de trabalhar. É, eu tenho medo mesmo! MESMO! Provavelmente por eu nunca ter trabalhado na vida.

É tanta responsabilidade! Chefe chato (talvez). Clientes malditos (quase certo). Vontade de morrer. Nossa, me sinto uma babaca. Quando eu era bem mais nova, sempre imaginei que trabalho fosse pra gente que tivesse 25 anos. Daí pensava: “Quando eu fizer 25 anos, vou ter um trabalho estável e estarei completa...”

Que nada! A realidade é cruel. Minha mãe ultimamente tem reclamado do dinheiro que está cada vez mais curto e essas coisas. Diz que não vê a hora d'eu começar a trabalhar e aliviar pro lado dela (tradução: deixar de ser um peso morto...). E só de pensar que daqui a sete meses isso vai se concretizar... Ai... Sobe um frio na espinha!

Não sei de onde vem tanto medo! Às vezes eu acho que é por não estar preparada. Ou pensar não estar preparada. O tempo todo ouço milhares de pessoas falando: “Mercado de trabalho é selvagem. Ou você se dá bem ou morre.”

Lei do mais forte. Aaah! Isso é um emprego ou a teoria da evolução das espécies?


Lana Esthevlana também pode ser encontrada aqui.

44 comentários:

Léo Mandoki, Jr. disse...

trabalhar é bom...vou dizer uma frase do Nietzsche:
Os desocupados só fazem duas coisas na vida: rezão ou se apaixonam.

ehheehhehehh

Juliana S. Z. disse...

Ahhh trabalhar é bom só em um dia! o de receber! hahahaahah
Depois que vc começa a trabalhar fica difícil parar! Eu trabalhava ano passado quando eu estudava Publicidade e quando sai do emprego, não tinha nem coragem mais de pedir dinheiro pra minha mãe!
Mas ai tive que me dedicar a veterinária que não é tão fácil quando Publicidade, e trabalhar agora, só depois de formada! Mas mesmo assim não vou ter 25 anos, vou ter uns... 23! rs
E se vc vai trabalhar com alguma coisa que gosta, vai ser divertido! pensa bem! acho que não há motivo para preocupações!
Daqui a 7 meses vc já vai poder até mesmo fazer um layout pro meu blog!!! ahahahahahah
Mal posso esperar!

Dama de Cinzas disse...

Se dar bem na vida profissional tem um tanto de sorte, um tanto de esforço e um tanto paciência! Uns chegam numa posição confortável mais rápido, outros demoram! Mais se insistir todos chegam lá!

Beijocas

São palavras... disse...

estou a procura faz tanto tempo.

só consigo bicos.

ah... difícil.


http://sandluckily.blogspot.com/

TOOP disse...

É complicado tudo isso. Eu particularmente gosto de criar e fazer diferente.

Mas sempre me adapto muito bem a mesmice. :/

Sonia Regly disse...

BILL<
Têm post novo e interessante,apareça por lá!!!! Sua visitinha é uma grande alegria!!!!
Link novo do Compartilhando as Letras.
http://evelyns-place.com/compartilhandoasletras/

Flávia B. disse...

ai, pessoas, o mercado de trabalho me desespera, a verdade é essa.

Beijos!!

JuJu disse...

Mercado de trabalho é uma coisa angustiante mesmo. Seria tão bom se houvesse emprego para todos...
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

máa :* disse...

eu não sinto esse medo, pelo contrário, não vejo a hora de trabalhar :*

Nadezhda disse...

Quando era menor tinha essa visão também. Ainda não enfrentei o mercado de trabalho, mas pela dificuldade que algumas pessoas que conheço tiveram, não é também um mar de rosas.

;)

Ana Lu disse...

Olá, vc comentou 2x no meu blog, eu passei aqui, gostei bastante, só pra avisar que eu vou linkar no meu, tem problema? Quanto ao assunto do post, acho que ficarei meio assim também na hora de começar a trabalhar, sei lá.. uma angustia talvez, de ter a sensação de: Meu Deus, eu realmente cresci!
;D
Bjoss

Amanda Bia disse...

ah relaxa! parece que vai ser um inferno, que vc vai fazer tudo errado e isso é apavorante, mas no final é maior legal. vc conhece um monte de gente, aprende p/ caramba e ainda tem seu próprio dinheiro, o que te torna mais independente. eu não consigo viver sem trabalhar!
tenha fé e boa sorte!

Nathália disse...

Os sete meses se passaram e nada do emprego surgir.
Hahahaha
Ai, que eu faço agora?
Além de mandar currículo para todos os lugares possíveis... Hehe

Beijo, Biiiiiiiill!

☆ Sandra C. disse...

[b]“Quando eu fizer 25 anos, vou ter um trabalho estável e estarei completa...”[/b]

Isso existe? Huauhaa..

Natália disse...

Eu sou suspeita pra qualquer comentário, né?
Amo criar, me sinto uma mãe das composições visuais, hauhauhau
E as vezes a gnt aceita até ganhar pouco, mas fazendo o que ama!
Pena que não é tão simples assim =/ pelo menos não ta sendo pra mim!

Mas vamos a luta !!!


Bjos e td de bom!

e disse...

AMIGOS,

ESTOU SENDO VÍTIMA DE DIFAMAÇÃO VIRTUAL!! ESSES CRIMES DEVERIAM TER PUNIÇÃO…

SOU LICENCIADA EM HISTÓRIA DA ARTE NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA DESDE 1998, PORTANTO , POSSUO UM POUCO DE CONHECIMENTO EM ARTE.

AMIGOS MEUS,TEM RECEBIDO EMAIL E COMENTARIOS DA SENHORA TERESA MAREMAR, TENTANDO MACULAR A MINHA IMAGEM PERANTE A COMUNIDADE BLOGUEIRA QUE ME CONHECE HÁ PELO MENOS 4 ANOS DE BLOG QUE POSSUO E CONHECEM MINHA ÉTICA!

ESTA SENHORA VEIO AQUI A SALVADOR, CONHECI E ALMOÇAMOS JUNTAS , RECEBI COM TODO CARINHO,EDUCAÇÃO QUE ME É PECULIAR. TENDO ELA UM BLOG DE ARTE, QUE ESTAVA DESATIVADO. PERGUNTEI SE PODIA REPRODUZIR ALGUNS POSTS DELA NUM OUTRO BLOG DE ARTE QUE POSSUIA PARA DIVULGAR A ARTE E QUE COLOCARIA A DEVIDA FONTE, COISA QUE FIZ EM TODOS OS POSTS DELA UTILIZADOS.

AGORA ESSA SENHORA TRAIDORA E SEM ÉTICA , ESTA A QUERER ME DESMORALIZAR PERANTE TODOS OS MEUS COMPANHEIROS DE BLOG , QUE MANTENHO HÁ MUITOS ANOS.

QUEM ME CONHECE SABE QUE JAMAIS ME APROPRIARIA DE POSTS DE OUTREM, TANTO QUE TODOS OS POSTS QUE FAÇO POSSUEM A FONTE QUANDO NÃO PRODUZIDO POR MIM.

MINHA CONSCIÊNCIA ESTÁ LIVRE E LIMPA!

SEM MAIS!

ELISABETE CUNHA

2/11/08

Léo Mandoki, Jr. disse...

EI, mano!! eu sou carioca cara!!
só que moro em Portugal faz tempo....decidi sair do Brasil justamente por causa do mercado de trabalho.....
hj sou gringo néh?!!!
hehehehhehe
mas nasci em pleno Rio de Janeiro!!!
abração
a gente ainda se vai encontrar naquela cratera oeste da Lua, onde vivem os poetas, os loucos, os bêbados e os VAGABUNDOS!!

Simples Assim... disse...

Você ouviu Cartola e lembrou de mim? Que lisonjeiro. Escreva mesmo sobre o centenário, vou adorar ler. O meu post no dia do centenário acabou sendo banhado em lágrimas. Passei o dia todo com aquele trecho na cabeça "Na Mangueira, quando morre um poeta todos choram". Quando fui escrever aconteceu o óbvio, choradeira... ai ai... Fazer o que? Ele me toca profundamente, a simplicidade, sempre ela. Bjin !!!

Léo Mandoki, Jr. disse...

eu sei que é barra pesada amigo!!! eu sou carioca!! moro é já mto tempo fora do Brasil
um abração!! e espero que vc se dê super bem no seu trabalho novo

Ana Lu disse...

Olá! Vovó também foi infarto fulminante, não estava doente.. Quando eu disse que tinha uma noção, quis dizer que já imaginava que alguém tinha morrido.. Nosso consolo é pensar que foi assim, pa-pum.. Não sofreram dias numa cama de hospital né? Beijoss

ALF disse...

É sim. Tem alguns blogs e sites que encanta só com a produção. E na leveza da criação tu fica admirado né.

ah, o mercado de trabalho é assim mesmo. É preciso ir de cara a tapa. Só se vence arriscando. É a lei do mundo.

;)

Texto bom esse dela.

Abraço Ai Bill
Boa semana.

Ciça. disse...

Na verdade tenho medo de me formar, pq enquanto to na facul vou estagiando, estagiando... Mas quando me formar, ai o bicho pega!

:*

Yvonne disse...

A situação em nosso país está mais do que complicada para qualquer um. Ainda dizem que a crise não apareceu por aqui, rsrsrs.
Beijocas

Sheherazade disse...

Que nada,menina! Exorciza esse Caimmy que te possuiu e deixa a preguiça de lado. Trabalhar é a única forma que se tem de se sentir produtivo e atuante.Eu já me aposentei, mas comecei aos 14 anos e foi através do trabalho que pude realizar todos os meus projetos ... Vai à luta!
Muito axé!!!

Sheherazade disse...

Bill,
Enfim, me lembrei de publicar algo sobre a minha ascenção ao JL. Vai lá e desculpa a "nossa falha" em demorar tanto,tá? Tu sabe que eu te adoro, né?

Beijão, querido!

R. Schröder disse...

"Os desocupados só fazem duas coisas na vida: rezam ou se apaixonam."

eu ja ia citar isso que o moço do topo citou.. mercado de trabalho é coisa braba, mas como diz meu pai (que é chefe numa empresa): "o bom profissional nao vai atrás de emprego, é o emprego que vai atrás dele, e como os bons profissionais já estao quase extintos, o emprego pediu umas ferias e nao sabe quando vai voltar pra ir atrás de alguem."

mas, como eu nunca trabalhei na vida, quem sou eu pra dizer alguma coisa de util.

nina disse...

Caramba, a escolha de uma profissão é uma esfinge avassaladora. Eu mesma tenho apenas uma breve ideia do q quero fazer. Mas os cursos sao importantes para aprimorar conhecimentos. Sempre q dah, to fazendo um.

Luana H. disse...

Hahahha...Sabe que eu já estou enfrentando essas responsabilidades? Ás vezes dói um pouco sabe, mas passa rápido...sahashuashuas

E quanto a Fernando Pessoa...Amoo! Minhas amigas detestam.
Enfim, nem todo mundo vê as coisas com os mesmos olhos.

Hahahaha...Tá, vai. Confesso que me ''inspirei'' nos heterônimos do graaande Pessoa.

Obrigada pelos comentários e volte sempre que desejar.

Beijão

Quase Trinta disse...

é muito bom se ter uma profissão, melhor ainda qd se faz o que se gosta, melhor ainda se te pagam pra fazer por isso....rs
boa sorte com o curso

Sueli disse...

Existe um medo que é pior que o seu: o de perder o emprego... Vai firme, nem dói... rs. Beijos!

Betty disse...

Trabalho só é bom quando está relacionado ao que se gosta fazer. Se não for desse jeito, realmente, é uma cruz a se carregar.
Quanto ao medo, acho normal, porque costumamos temer o desconhecido.
Boa sorte, e sucesso!

Menina Nina disse...

Eu trabalho que nem uma louca, tenho chefes razoaveis e o que me deixa completamente louca é a falta de planejamento de algumas pessoas que trabalham comigo e que conseguem atrapalhar todo o meu trabalho!!! Eles sim, merecem a forca!

Grace Olsson disse...

Sem trabalhar, eu tenho depressao. Deus me livre e guarde de viver sem trabalhar. ´E melhor encomendar o caixao....kkk
bjs e dias felizes

Dayane disse...

Sou artista,já to ferrada mesmo.

Cadinho RoCo disse...

O mercado de trabalho é complicado mesmo e ainda ontem ouvi notícia de que a turma dos recursos humanos das grandes empresas passou a fazer varredura, principalmente no Orkut, para avaliação de candidatos(as) a empregos. Pessoa que faz sucessivas críticas ao local de trabalho, chefia e empresa já fica com sua chance de conseguir o emprego comprometida. Será possível? São as tais atitudes criativas dessa turma bitolada em suas funções a promoverem nas relações humanas a desumanização das relações.
Cadinho RoCo

carla granja disse...

olá amigo bill! o meu curriculo hummm... nossa ja fiz tanta coisa que so de pensar me dá preguiça de trabalhar eh,eh,eh...
amigo,cá espero por ti e te desejo um bom final de semana
bjo,carla granja

Kamilla disse...

Meu pai está bem, agora é só se recuperar!
Tenho que admitir que o mercado de trabalho tb me assusta mto, mtoe mto!

Patrícia Andréa disse...

Adorei o final do post!

Passa lá no meu blog q tem post novo!

Bjus e bom fds!!

Only Bruh. disse...

Eu tbm me sinto assim, com esse medo de trabalho. Tbm acho q não tô preparada, tbm nunca trabalhei...
Tô morrendo de vontade de trabalhar, mas daí eu penso: "No que???"
Sou bem exigente pra esse tipo de coisa tbm. Quero estudar de manhã, e meu emprego tem q deixar isso. Quero um bom salário e que o emprego não me estresse. Quero numa área q eu goste e q não tenha mta coisa em cima de mim. Tbm não posso trabalhar em fábrca de nada, não gosto. Nunca entrei mas não gosto. Viu?! O.o

Cadinho RoCo disse...

Quando ouço a palavra emp´rego até começo a rir.
Cadinho RoCo

Mary West disse...

Eu gosto de trabalhar. Má se fosse muito, muito rica, naum sei se faria isso naum ó.

Mandy disse...

Biill adorei o post!!!

^^

Acho q não gosto muito de trabalhar... rsrsrs prefito fik em casa!!!
Mas temos q nos esforçar para encarar o mercado de trabalho pq ta fogo hein... parece msm uma competição, parece q aplicam a lei do mais forte aki tbm!!!! rsrsrs

BjO

Menina de óculos disse...

O trabalho dignifica, mas cansaaaaa horrores tbm. Sorte nossa é que por menos que se ganhe..ter um dinheirinho é sempre bom...
:)
bjs

Diabo de Saia (Little Devil) disse...

Bill, quantas saudades suas!
Está tudo bem consigo? Devagar leio tudo, prometo.
Estive presente porém de maneira invisível.

Quanto ao post... creio que a moça que o escreveu tem receio do mundo que há fora dos muros de sua casa e não do emprego em si. Trabalhar significa estar fora de nosso aconchego por muito tempo a cada dia. E, se quer saber, pasme: não trabalhar e viver só no aconchego é uma deleciosa covardia.

Ganhe o mundo, jovem menina!

Bill, aguardo-te em meu novo web rumo!